• Anne Silva

Recrutamento e seleção on-line e o futuro do RH

Atualizado: Set 7



Todos estamos vivenciando tempos incertos e confusos. Não seria diferente com a área de Recursos Humanos, bem como com os processos que envolvem recrutamento e seleção de pessoas. Você não acha?

Para as lideranças, sobretudo, este é um momento de reflexão sobre o futuro do trabalho pós-crise. Por exemplo: "Será que devemos permanecer com o home office?" e "O que os nossos times de RH precisam adaptar e modernizar no que diz respeito a recrutamento e seleção?".

Uma coisa é certa: a necessidade de adoção rápida de um mindset digital frente a um mercado que muda constantemente (e que não possibilita tempo hábil de planejamento) virou regra. De modo semelhante, os desligamentos em massa se tornaram o novo grande desafio de muitas das equipes de RH.


Aqui na SeniorUp, já usávamos a tecnologia para simplificar o nossos trabalho: realizávamos os processos seletivos de modo totalmente remoto. O melhor é que nossa metodologia, responsável por altas taxas de assertividade e grande economia de tempo, está completamente aderente às necessidades impostas pelas novas circunstâncias!


Pensando em compartilhar um pouco destes nossos conhecimentos, tão relevantes no contexto atual, listamos algumas dicas importantes. A ideia é que você, líder de negócio ou de time de RH, possa calibrar seus processos de recrutamento e seleção sem perder de vista o futuro do RH.

Comece simplificando o recrutamento e seleção


Um dos segredos de um processo seletivo eficaz é a objetividade. Aqui, menos é mais.

Avalie: de que forma é possível extrair de candidatos os dados que realmente importam para a seleção? Foque em analisar as competências técnicas e comportamentais sem que isto implique em atividades prolixas e cansativas.

Sempre é possível substituir testes que demandam um tempo maior para execução por outros mais eficazes. O seu objetivo, neste caso, é conseguir avaliar um volume maior de competências com menos ferramentas e mais rapidamente.

Essa estratégia gera uma boa experiência a participantes. Sem contar o tempo que você vai poupar do time responsável pela seleção!

Use a tecnologia a seu favor e otimize seu fluxo de recrutamento e seleção

Como eu disse antes, adotamos há um tempo a seleção à distância. Se você ainda não pensou nisto, minha dica é que não perca mais tempo: mais cedo ou mais tarde, vai precisar contratar desta maneira e, inclusive, fazer onboarding remoto.

E, para tornar possíveis os processos seletivos à distância sem perder agilidade e qualidade, usamos muito bem as soluções tecnológicas. Entre as principais, estão: gerenciador de tarefas, e-mail, apps de mensagens instantâneas, testes on-line e sistemas de videoconferência.

Mas não significa que você precisa escolher exatamente estes tipos. Pesquise e analise, com base nas necessidade e fase do seu negócio, quais ferramentas podem melhor te ajudar.

Saiba que volumes maiores de contratação vão exigir tecnologias mais robustas. Logo, o investimento financeiro será maior.

O importante mesmo é que já é possível encontrar instrumentos que facilitam todas as etapas do recrutamento e seleção on-line. Isto significa que você terá amparo do primeiro contato à entrevista final (por sinal, on-line).

Defina regras e critérios claros para execução dos testes de seu processo seletivo


Ao iniciar qualquer etapa, você deve garantir que prazos, regras e critérios de avaliação estão claros para todos (todos mesmo). Esta é uma forma de padronizar o processo e evitar falta de transparência e subjetividade na seleção.


Então, você não deve dar margens a dúvidas sobre questões como a maneira de salvar os arquivos enviados e data e horário limite para envio de respostas. As consequências para quem não seguir as orientações são também um ponto chave.


Entenda: quanto mais fácil e acessível a linguagem, mais chances de sucesso tem a seleção.


Entrevista em vídeo como etapa fundamental da seleção de pessoal à distância


A entrevista em vídeo é uma etapa muito importante do recrutamento e seleção on-line. Isto porque é através dela que conseguimos analisar em tempo real as pessoas que estão concorrendo à vaga por meio de leituras faciais e gestos.


Entretanto, esse momento pode ser tenso para alguns candidatos. Para evitar sentimentos assim, mesmo à distância, você tem que assegurar um clima leve e agradável, afinal, você não vai conseguir avaliar corretamente uma pessoa nervosa.


Você pode ajudar ainda mais quem vai enfrentar uma entrevista à distância a não ficar tão apreensivo. É só antecipar os objetivos do bate-papo e informar qual o líder que realizará.


Faça deste um momento para aprender e ressignificar os desafios em recrutamento e seleção


Que estamos passando por um período de profundas mudanças e desafios significativos ninguém duvida. Só não é possível obter todas as respostas sobre o que o futuro do RH e do recrutamento e seleção guarda.


Mas, para reduzir os danos e melhorar a nossa capacidade de reação, é fundamental que você não descuide da aprendizagem contínua, assim como não abra mão de dados confiáveis para tomar as decisões certas. Porque, no fim de contas, será uma vantagem competitiva antecipar e tirar proveito das oportunidades.


Você acabou de ler Recrutamento e seleção on-line e o futuro do RH. Quer ler outros textos? Clique aqui.


32 visualizações
Contato

Hub Salvador, Av. da França, 393
Comércio, Salvador – Bahia
CEP 40010-000

Tel - +55 71 9 8301-5596

E-mail - ola@seniorup.com.br

VAMOS BATER UM PAPO?
Objetivo 4. Educação de Qualidade
Objetivo 8. Trabalho Decente e Crescimento Econômico
Objetivo 10. Redução da Desigualdades
  • LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram

Orgulhosamente criado pelo  Estúdio 071